Qual o resultado do jogo no filme “O Leão da Estrela”?

Qual o resultado do jogo no filme “O Leão da Estrela”?

Há um jogo que desencadeia grande parte do argumento do filme O Leão da Estrela. Qual foi o resultado desse jogo?

Damos uma dica: o jogo aconteceu no Porto.

Como sempre, iremos recolher as respostas e no dia seguinte responderemos aos vossos comentários.

Tenha um excelente dia.

David Monteiro

Montes e Vales

Siga este site por email ...

Se ainda não recebe as nossas publicações por email, saiba que as pode receber gratuitamente bastando para isso inserir o seu endereço de email em baixo.

Depois de inserir o seu endereço de email, irá receber uma mensagem na sua caixa de mensagens para poder confirmar a sua subscrição. Pedimos que confirme, pois se não confirmar, a sua subscrição não ficará activa.

Queremos que esteja sempre connosco mas se algum dia quiser cancelar a sua subscrição, também poder fazê-lo a qualquer momento.

Não hesite em nos contactar em caso de dúvida.

This Post Has 8 Comments

  1. Isabel Pires dos Santos

    Sporting ganha 2-1 ao Porto….
    António Silva, o Sr. Anastácio no filme, sportinguista a valer (no filme e na realidade) ficou feliz!

    1. David Monteiro

      Bom dia,
      Muito obrigado pela sua participação.
      Não podíamos ter melhor resposta que aquela que nos foi dirigida pelo José Lopes, um dos participantes destes passatempos. Obrigado.
      Para além de responder que o Sporting ganhou ao Porto por 2 a 1, ainda adicionou o texto que conseguimos ver em https://desporto.sapo.pt/futebol/taca-de-portugal/artigos/o-golo-ficticio-de-travassos-na-celebre-final-de-1947 e que conta a história desse jogo fictício, mas envolto nos acontecimentos futebolísticos e sociais da Taça de Portugal de 1947.
      Vale a pena ler.
      Tenha um excelente fim de semana,
      David Monteiro
      Montes e Vales

  2. Conceição Leitão

    O Sporting ganhou por 2-1

    1. David Monteiro

      Bom dia,
      Muito obrigado pela sua participação.
      Não podíamos ter melhor resposta que aquela que nos foi dirigida pelo José Lopes, um dos participantes destes passatempos. Obrigado.
      Para além de responder que o Sporting ganhou ao Porto por 2 a 1, ainda adicionou o texto que conseguimos ver em https://desporto.sapo.pt/futebol/taca-de-portugal/artigos/o-golo-ficticio-de-travassos-na-celebre-final-de-1947 e que conta a história desse jogo fictício, mas envolto nos acontecimentos futebolísticos e sociais da Taça de Portugal de 1947.
      Vale a pena ler.
      Tenha um excelente fim de semana,
      David Monteiro
      Montes e Vales

  3. Regina Costa

    Jogo entre Futebol Clube do Porto e Sporting Clube de Portugal
    Ganha o Sporting por 2 bolas a 1

    1. David Monteiro

      Bom dia,
      Muito obrigado pela sua participação.
      Não podíamos ter melhor resposta que aquela que nos foi dirigida pelo José Lopes, um dos participantes destes passatempos. Obrigado.
      Para além de responder que o Sporting ganhou ao Porto por 2 a 1, ainda adicionou o texto que conseguimos ver em https://desporto.sapo.pt/futebol/taca-de-portugal/artigos/o-golo-ficticio-de-travassos-na-celebre-final-de-1947 e que conta a história desse jogo fictício, mas envolto nos acontecimentos futebolísticos e sociais da Taça de Portugal de 1947.
      Vale a pena ler.
      Tenha um excelente fim de semana,
      David Monteiro
      Montes e Vales

  4. José Lopes

    Tratava-se da final da Taça de Portugal 1946/47 – que na verdade não se chegou a realizar – e que opunha o F.C. Porto ao Sporting C.P.
    Deixo alguma informação adicional ao assunto, retirada do site SAPO Desporto:

    “Na realidade, em 1947 a Taça de Portugal disputou-se apenas nas salas de cinema, onde, na tela prateada, os “Cinco Violinos” conquistariam a terceira Taça de Portugal consecutiva dos leões (algo inédito na altura!) com uma vitória sobre o FC Porto por 2-1. E como há uma tendência para a ficção imitar a realidade, e vice-versa, no ano seguinte o Sporting acabaria mesmo por vencer a sua quarta Taça de Portugal (terceira consecutiva) agora a sério e frente ao Belenenses por 3-1.

    Mas no filme, Peyroteo, Araújo e Travassos são os “autores” dos golos e o elogio para melhor em campo acaba para ir para Barrigana, o mítico guarda-redes do FC Porto, que nesse jogo ficcional fez quase tudo para silenciar a sinfonia dos “Cinco Violinos”, de forma a levar o “seu” FC Porto à primeira conquista na prova, algo que só viria a concretizar-se em 1956, naquela que seria também a primeira “dobradinha” do emblema portuense.

    Outro pormenor interessante desse jogo “ficcional” vai para o facto de Travassos nunca ter marcado um golo ao FC Porto no Estádio do Lima, apesar de na época o Sporting ter vencido dois “clássicos” no reduto do rival, um a 27 de janeiro de 1946, por 2-3, e outro a 20 de abril de 1947, por 2-4.

    No filme, Anastácio acaba por celebrar efusivamente o triunfo do Sporting no meio de adeptos do FC Porto para irritação do seu futuro anfitrião, e compadre, com quem até inicia uma relação tensa nas bancadas do Estádio do Lima, devido às paixões do futebol, mas que depois acaba em ligação familiar…”

    Continue as boas iniciativas e mantenha-se saudável.

    Cumprimentos

    José Lopes

    1. David Monteiro

      Caro José Lopes,
      Muito obrigado pela sua resposta que me fez ir ler o artigo e que adorei.
      O jogo teria acontecido, se real, no Estádio do Lima que não sei onde fica mas que irei investigar e visitar numa próxima ida ao Porto.
      São participações como a sua que nos fazem crescer por “exigirem” uma constante aprendizagem. Obrigado.
      Tenha um excelente fim de semana 🙂

      David Monteiro
      Montes e Vales

Deixe uma resposta